[tabgroup]

[tab title=”English”]

I’ve been working on a children’s book for the past couple of months. After finishing a specialisation course last year in children’s book illustration it seemed like the only way to go. This particular book was written by me, and now I’m finishing up the illustration.

When working with children’s book it’s good to keep it short and fun. The industry standard for children’s book illustration, is 32 pages, but depending on project can range from 16 to 48, varying on multiples of 8.

Story Boards

I find it very effective to spread out the 32 pages for the storyboard on a single paper, so I can visualize how the whole book is developing. I tend to stick to A3 pages together, and lay the 32 pages on it. Bear in mind that a 32 pages book, will not have all those pages for the story. It should include cover, end pages, copywriter’s and publisher’s info and title. So you are left with about 24 pages.

Storyboards

With the blocks drawn in, I began to play around with text. I do that by  printing out the whole book, and cut it into the paragraphs I intend for each page.

This way I can move sections around single, or double spread (double spread is when you use two pages that are side by side for a single illustration), and see how it works along the book.

Once I’m satisfied with the way the text is distributed along the pages, I glue it to the paper. And it’s time to start drawing. This way it’s easy to visualise how characters and text will be, and make decisions and changes when needed.

[/tab]

[tab title=”Português”]

Nos últimos meses eu estive trabalhando em um livro infantil. Depois de terminar um curso de especialização em ilustração para livros infantis, isso pareceu um caminho natural a ser seguido. Esse livro em particular, foi escrito por mim, e agora estou terminando as ilustrações.

Um fator importante de livros infantis, é que eles devem ser curtos e divertidos. O padrão da industrial para livros infantis é de 32 páginas, mas dependendo do projeto isso pode ir de 16 a 48 páginas, variando em múltiplos de 8.

Story Boards

Para mim, uma forma funcional de trabalhar, é distribuir as 32 páginas para o storyboard em um mesmo papel, para que eu possa visualizar todo o livro se desenvolvendo. Geralmente, eu junto duas folhas A3, e desenho os blocos de 32 páginas no papel. Tenha em mente que um livro de 32 páginas, não terá 32 páginas para a história. Deverá conter, capa, informações editoriais, título e páginas finais. Então restam mais ou menos 24 páginas.

Storyboards

Com as páginas do storyboard desenhadas, eu começo a distribuição do texto, faço isso imprimindo todo o texto e cortando os parágrafos designados para cada página. Dessa forma, eu posso movê-los de páginas individuais ou duplas (página dupla é quando uma única ilustração ocupa duas páginas que estão lado a lado), e visualizo como o texto funciona nas páginas.

Uma vez satisfeita com as quebras de texto nas páginas, eu os colo no storyboard. E é hora de começar a desenhar. Dessa forma é possível visualizar como os personagens e texto irão interagir, e tomar decisões e possíveis mudanças quando necessárias.

[/tab]

[/tabgroup]

 

 

Share